Buscar

Arborização urbana: benéfica ou maléfica?

Atualizado: Ago 26

Comumente ouvimos a frase: “nossa, aquela árvore só suja a minha calçada!”, ou então: “não consigo caminhar nessa rua, pois a árvore quebrou a calçada”. Mas será que a árvore é um ser tão ruim mesmo? Ou é a falta de planejamento da arborização urbana que nos leva a não gostar de quem purifica nossos ares - tão contaminados no ambiente urbano -?

Esse texto vem para tentar desmistificar algumas ideias que temos sobre elas, e mostrar que uma árvore na cidade deve ser respeitada e cuidada com muito carinho! Os benefícios proporcionados pelas árvores podem ser classificados em 4 grupos. São eles o ecológico, estético, econômico e o social.

Os ecológicos se dão pela melhoria microclimática, já que as folhas absorvem radiação solar e proporcionam sombra mais fresca. Além disso, as árvores diminuem a velocidade dos ventos e aumentam a umidade do ar, e amenizam a poluição, por exemplos.

Os estéticos vêm através da adição de cores e belezas com flores, folhas, troncos e frutos ao cenário urbano, conferindo dinamismo à paisagem urbana.

Os econômicos e sociais se referem ao atrativo turístico e demanda de emprego para manejo das árvores!

Viu só? Elas não são ruins se plantadas com inteligência! Cobre a limpeza e a poda ao poder público para que sua rua fique sempre bonita, fresca e acolhedora!



47 visualizações

© Por ESALQ Júnior Florestal

 Criado com Wix.com

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon