Buscar

Recuperação de áreas degradadas: como isso pode me ajudar?

Por Igor Barbosa Marques


Nos últimos anos, tem sido crescente a discussão sobre a necessidade de preservar áreas sensíveis que colaboram para a dinâmica hídrica e manutenção da estabilidade do ecossistema e do solo. Nas propriedades rurais, essas regiões são denominadas Áreas de Preservação Permanente (APP), e são mais comumente encontradas em borda de rios e riachos, encostas declivosas e topos de morros.


Entretanto, antes dessa conversa surgir em nosso país, era muito comum o máximo aproveitamento das áreas disponíveis para produção agrícola, o que levou à devastação de vastas áreas de grande importância ecológica a fim de obter lucro. Com o tempo, entretanto, observou-se que muitas destas áreas eram problemáticas para produção e não aumentavam o lucro dos proprietários rurais, justamente por sofrerem com inundações constantes, serem muito declivosas ou possuírem um tipo de solo que dificulta a produtividade agrícola. E o que aconteceu? Exatamente, com o tempo essas áreas acabaram por ser abandonadas e, devido ao elevado grau de degradação, as espécies nativas que ali existiam não voltaram a surgir naquele local.


Que diferença isso faz?


Como dito anteriormente, a preservação das APPs é essencial para garantir a qualidade da água, do solo e do ecossistema local. Ao manter essa área degradada, pode-se estar expondo o lençol freático que abastece sua propriedade para possíveis contaminações, perdendo solo e nutrientes, gerando erosão e assoreando os cursos hídricos que passam nas proximidades. Quanto mais tempo essa área estiver degradada e exposta, pior a situação tende a ficar e menor a probabilidade dela conseguir se recuperar sozinha, e, queira ou não, isso afeta a produtividade de seu plantio, e dos seus vizinhos.


E como a gente pode te ajudar com isso?


A recuperação de áreas degradadas é um processo lento, mas essencial para garantir a perpetuação dos nossos recursos hídricos e o funcionamento dos ecossistemas. Ele pode ser feito de diversas maneiras, considerando as condições de sua propriedade e sua proximidade com remanescentes florestais. Além de melhorar a qualidade da água, essa ação pode gerar maior estabilidade no solo e equilibrar o ecossistema local, de forma que seu cultivo pode se tornar menos propenso a grandes ataques de pragas que antes devastariam sua cultura, entre diversos outros benefícios.


De qualquer forma, agendando uma visita diagnóstica, nossa equipe é capaz de compreender as particularidades de sua área e oferecer a melhor solução para seu problema. Com isso, além de contribuir para a sustentabilidade do meio ambiente, você também colabora com o desenvolvimento de toda a região, garantindo melhor qualidade de água para si e seus vizinhos!


Gostaria de realizar um projeto ou tirar dúvidas sobre recuperação de áreas degradadas com estudantes universitários especializados na área?


Entre em contato com a ESALQ Jr. Florestal!